• Home
  • Áreas de Intervenção
  • Turismo

Turismo

 

Conheça o património existente na União das Freguesias de Algés, Linda-a-Velha e Cruz Quebrada-Dafundo

 

  • Quinta do Cedro

    Quinta do Cedro

    Trata-se de uma das mais belas casas apalaçadas do Concelho de Oeiras.

  • Capela de Nossa Sra. do Cabo - Algés

    Capela de Nossa Sra. do Cabo - Algés

    A Capela de Nossa Senhora do Cabo, em Algés, é um pequeno templo, de estrutura e traça simples.

  • Palácio Ribamar

    Palácio Ribamar

    O Palácio Ribamar – a jóia de Algés – é um edifício emblemático, onde na sua génese a arte e a cultura foram o primado, sendo um dos pontos de referência da localidade de Algés.

     

  • Palácio Anjos

    Palácio Anjos

    O Palácio Anjos, datado de finais do século XIX, é um imagem de marca da localidade de Algés, e um ex-libris da arquitetura de veraneio de Algés. Sendo um dos edifícios históricos mais emblemáticos do Concelho de Oeiras

     

  • Palácio Foz

    Palácio Foz

    Com uma história a caminho do meio milénio, o Convento de S. José de Ribamar atualmente transformado no Palácio Foz, faz parte integrante das raízes de Algés.

  • Capela de Nossa Senhora do Cabo - Linda-a-Velha

    Capela de Nossa Senhora do Cabo - Linda-a-Velha

    A pequena e modesta Capela de Nossa Senhora do Cabo, em Linda-a-Velha, foi fundada pelo padre António Xavier Ligeiro, no século XVIII.

  • Palácio dos Aciprestes

    Palácio dos Aciprestes

    Atualmente, o Palácio dos Aciprestes acolhe a Fundação Marquês de Pombal, que intervém na área da cultura, ação social, investigação científica, artes plásticas, música e desporto.

  • Palacete de Sta. Sofia

    Palacete de Sta. Sofia

    O Palacete foi construído nos finais do século XIX, numa arriba junto ao rio Jamor, no local onde outrora existia a antiga Quinta da Bela Vista.

  • Quinta de São Mateus

    Quinta de São Mateus

    A Quinta de São Mateus distingue-se pela sua arquitetura simples, mas com traços neoclássicos, e pelo seu jardim fortemente arborizado.

  • Capela de Nossa Sra. da Boa Viagem

    Capela de Nossa Sra. da Boa Viagem

    Trata-se de uma pequena capela rústica dedicada à Nossa Senhora da Boa Viagem, construída no local onde outrora existiu o convento de Nossa Senhora da Boa Viagem.

  • Ponte sobre a Ribeira do Jamor

    Ponte sobre a Ribeira do Jamor

    De construção filipina (1608), é Imóvel de Interesse Municipal, designação dada pelo Instituto Português do Património Arquitetónico.

  • Cruzeiro de Algés

    Cruzeiro de Algés

    Com mais de quatro séculos de existência, o Cruzeiro de Algés, localizado na entrada no Palácio Ribamar, representa um dos símbolos mais antigos da localidade de Algés, e em boa hora, foi incluído no Brasão da Vila e da antiga Freguesia de Algés.

  • Fonte da Maruja

    Fonte da Maruja

    A Fonte da Maruja, atualmente designada de "Chafariz do Dafundo", encontra-se integrada num conjunto de escadinhas e mirante.

  • Quinta de São João do Rio

    Quinta de São João do Rio

    Atualmente o edifício, alberga o Instituto Espanhol de Lisboa.

  • Ermida e restos do antigo Convento de Sta. Catarina do Ribamar

    Ermida e restos do antigo Convento de Sta. Catarina do Ribamar

    Situado na encosta de Santa Catarina de Ribamar, precisamente na linha imaginária que divide a Cruz Quebrada do Dafundo, o local possui uma pequena ermida, e alguns vestígios arquitetónicos do antigo convento de frades arrábidos.

     

  • Palácio da Cruz Quebrada

    Situado na rua principal que liga a Cruz Quebrada e o Dafundo, o palácio também é conhecido por Quinta de S. João das Praias.